Clínica Higashi

Londrina | PR : 43 3323-8744
Rio de Janeiro | RJ : 21 3439-8999

Notícias

30/7/2015 Clínica de neurologia e dor: Avanço no tratamento da fibromialgia com Estimulação Magnética Transcraniana (EMT)
Já se sabe que a Estimulação Magnética Transcraniana Repetitiva (EMT) é uma aliada no no tratamento médico da depressão por ser um método não invasivo, indolor, não medicamentoso, seguro, eficaz e com efeito antidepressivo rápido.

Estimulação Magnética Transcraniana (EMT) para controle da Fibromialgia

Já se sabe que a Estimulação Magnética Transcraniana Repetitiva (EMT) é uma aliada no no tratamento médico da depressão por ser um método não invasivo, indolor, não medicamentoso, seguro, eficaz e com efeito antidepressivo rápido. Uma das grandes vantagens da técnica é que praticamente não provoca efeitos colaterais. Diferente do que pode ocorrer com medicamentos antidepressivos.

A estimulação magnética transcraniana é capaz de estimular quase todo o córtex cerebral, parte do nosso sistema neurológico, que  corresponde à camada mais externa do cérebro, sendo rico em neurônios e é o local do processamento neuronal mais sofisticado dos seres humanos. O córtex humano tem uma área de 0,22m2 (se fosse disposto num plano) e  tem 1-4mm de espessura, desempenha um papel central em funções complexas do cérebro como na memória, atenção, consciência, linguagem, percepção e pensamento.

É constituído por cerca de 20 bilhões de neurônios, que parecem organizados em agrupamentos chamados microcolunas. É formado por massa cinzenta e é responsável pela realização dos movimentos no corpo humano. Em animais com capacidade cerebral mais desenvolvida, o córtex forma sulcos para aumentar a área de processamento neuronal, minimizando a necessidade de aumento de volume.

neurologia e cortex cerebral.jpg

Trabalhos têm demonstrado (Brain 2007) que a estimulação magnética transcraniana (EMT) induz alívio e analgesia das dores da fibromialgia quando se aplica estimulo na área motora do cortex cerebral. Além da melhora da dor houve melhora dos aspectos relacionados a qualidade de vida como cansaço, sono, atividade gerais e melhora do andar. Os efeitos positivos foram obtidos a curto prazo e tiveram longa duração.

Neste mesmo estudo os autores não obtiveram melhora do aspectos relacionados á depressão e ansiedade, pois a área motora a qual foi estimulada não é a área relacionada ao tratamento da depressão e ansiedade.

A estimulação magnética transcraniana (EMT) induz alívio da fibromialgia por alterar o sistema de interpretação da dor a nível cerebral, pois todas as nossas sensações são interpretadas pelo nosso cérebro.

Para maiores informações Rio de Janeiro telefone (21) 3439-8999 e Londrina telefone (43) 33238744. Acesse também nosso site www.estimulacaoneurologica.com.br


Newsletter
Cadastrar