Clínica Higashi

Londrina | PR : 43 3323-8744
Rio de Janeiro | RJ : 21 3439-8999

BLOG - Dr Higashi

Postado em 14/11/2014
A ozonioterapia poderia ser um revolucionário tratamento para o vírus Ebola
Terapia com ozônio x vírus Ebola

Resolvi escrever essas linhas quando encontrei um trabalho em  N.E.J.M. 2014, onde reportava que em países da África Ocidental (Guiné, Nigéria, Libéria, Senegal, Serra Leoa), enfrentavam uma grave epidemia de Ebola totalizando 4.507 pessoas infectadas (até dia 14/09/2014), com mortalidade de 2.296 destas, totalizando 70,6% de letalidade.

 

A OMS afirma que esta a frente de uma “ emergência pública” grave, não tendo até o momento nenhuma perspectiva cientifica de criar um combate eficaz. Isto quer dizer que todos os pacientes que contraem o vírus Ebola, padecem sem nenhum tipo de tratamento, somente cuidados gerais . Existe uma previsão que a infecção do vírus irá atingir cerca de 20.000 pessoas ainda este ano. Porque não lançar mão de tratamentos da medicina complementar? 


Hoje abrindo a página cientifica da Sociedade Internacional de Ozonioterapia, alertava uso de O2 + O3, na tentativa de tratar tal infecção. Esse apelo existe com um grande embasamento cientifico, apesar da Ozonioterapia ser pouco conhecida, menos até que a Acupuntura e Homeopátia dentro da Medicina Complementar. Isto quer dizer que poucos médicos cientistas conhecem o poder de O2 + O3, que tem poder oxidante de eliminar quase todos os tipos de microorganismos conhecidos até hoje. Recentemente, enfrentamos uma disseminação grave da bactéria multi-resistente KPC, que foi eliminada com uso da Ozonioterapia. 


ozonioterapia clinica higashi.jpg


Existe um grande preconceito do uso da medicina complementar, a maioria dos cientista médicos pensam ser uma “Quimera”, e “Delírio de Fanáticos”. Quem tem experiência no uso do Ozônio, sabe que pode enfrentar quase todos os tipos de microorganismos de difícil controle, inclusive HIV, Hepatite C, Herpes Zooster, entre outros, quando usada como complemento dos demais tratamentos. Existe um grande sinergismo com os tratamentos convencionais. Vamos então, falar sobre como nasceu O2 + O3 no mundo da medicina. 


Efeitos da ozonioterapia na bioquímica do organismo:

ozonioterapia.JPG


Remota 1ª Guerra Mundial, quando grande parte dos soldados eram sujeitos a amputar as pernas devido a infecção e congelamento, Dr. W. Holff, medico austríaco, construiu uma maquina produtora de ozônio, levou para a guerra e fez um relato minuncioso de vários casos em que conseguiu evitar a mutilação dos membros afetados. Ele apresentou esse trabalho na Sociedade Alemã de Medicina e desde então, o Ozonio foi amplamente divulgado no meio de medico na Europa. Todos os renomados cirurgiões procuraram conhecer a Ozonioterapia pois até então, não existia antibióticos o que culminava no fracasso na muitas cirurgias. Logo a seguir, Dr. Fleming descobriu a Penicilina o que tornou o ato cirúrgico mais pratico,e fez com que o  Ozonio fosse esquecido. O uso da molécula Ozonio na nova era moderna cientifica foi realizada pelo Dr. Velio Bocci, na Universidade de Siena, na Italia. Esse professor estudou profundamente o Ozonio e concluiu que é uma molécula extremamente barata, muito útil principalmente na saúde publica onde o valor econômico e muito considerável, pelo numero grande de pessoas. 


Outro preconceito que existe no meio medico é em relação a toxidade, mas quando a sua janela de concentração e sua farmacológica são respeitadas, conhecendo a bioquímica da molécula, não existe efeito colateral como muitos medicamentos que causam danos a rins, fígado e outros órgãos. Não existe ate hoje, no meio cientifico descrito qualquer tipo de acidente que tenha provocado lesões teciduais, respeitando os protocolos. Muitos países já contam com diversos protocolos para seu uso: Italia, Alemanha, Russia, Cuba, Brasil, entre outros. Nós, médicos brasileiros, após longos anos de luta com órgãos competentes, fomos reconhecidos pelo Ministerio da Saude e Conselho Federal de Medicina. 


Afinal, o Ozonio é uma potente molécula oxidante, porem seu uso terapeutico adequado, produz no organismo grande quantidade de Glutation, que é a maior substância desintoxicante do organismo. Portanto, ela é oxidante e logo se transforma em antioxidade, agregando que é um grande imunomodulador,aumentando também o nível de imunomodulação. Seu uso é muito útil na eliminação de fungos, vírus e bactérias e induz o tratamento do stress oxidativo. No caso do vírus Ebola, tem 12 dias cruciais da infecção, que toma conta de todos os sistemas devido a multiplicação violenta do vírus, tornando-o letal. Se tratássemos essa fase aguda de forma intensiva, através do ozônio, podemos minimizar essa replicação, aumentando a chance de recuperação do sistema imunológico do afetado. A nova esperança no fundo do túnel esta lançada!


Autor: Dr. Tsutomu Higashi - médico patologista clínico, nutrólogo e praticante da medicina ortomolecular. 

Clínica Dr. Higashi .JPG

Clique aqui e tenha mais informações sobre a ozonioterapia.


Ver comentários ( )

  • 20/5/2017
    JimmiXzSq
    THuu8b http://www.LnAJ7K8QSpkiStk3sLL0hQP6MO2wQ8gO.com
  • 17/5/2017
    JimmiXzSq
    77Q0vp http://www.LnAJ7K8QSpkiStk3sLL0hQP6MO2wQ8gO.com
  • 19/4/2017
    ewhichg http://buytadalafilonrx.com qraisedg [url=http://buytadalafilonrx.com]buytadalafilonrx.com[/url] nbecamel
Ocultar comentários
Sobre Dr. Higashi
O Blog Dr. Higashi é formado pelos três diretores médicos da Clínica Higashi composto por Dr. Tsutomu Higashi, médico com master na ciência do anti-aging, Bacharel em Medicina Ortomolecular e patologista clínico, Dr. Rafael Higashi, mestre em medicina com especialidade em neurologia e nutrologia e Dr. Leonardo Higashi médico especialista em clínica médica, endocrinologia e nutrologia. O objetivo do Blog é trazer informação sobre medicina e qualidade de vida, através de uma visão global do organismo.
clinica Higashi.jpg
Categorias
  • >> Posts 2017
  • >> Posts 2014
  • >> Posts 2013
  • >> Posts 2012
  • >> Posts 2011
  • >> Posts 2010
  • >> Posts 2009


Compartilhar:
Newsletter
Cadastrar